Instituto Brasileiro de Controle do Câncer
Dr. Marcelo A. Calil
Diretor-médico
CRM/SP 71859

Punções e Biópsias

As informações contidas nesta página são orientações gerais. Elas nunca devem substituir as especificações feitas pelo médico para o seu caso.

1. Quais são os tipos de biópsia?

Aspiração por agulha fina (FNA, por sua sigla em ingles, fine needle aspiration): Um tipo de biópsia de mama não-cirúrgica na qual uma pequena agulha é usada para extrair amostras de células do nódulo mamário. Se esse nódulo for um cisto (como um saco cheio de fluido), a remoção do fluido cessará, ocasionando um colapso do cisto. Se o cisto for sólido, as células podem ser usadas para exames posteriores.
Biópsia central: Similar à FNA, mas uma agulha maior é usada, visto que o tecido mamário é removido, em vez de uma pequena amostra das células. Apenas uma amostra do nódulo é removida, e não ele por inteiro. Os tipos de biópsias centrais incluem a com ultra-som guiado e a estereostática.

Biópsia central com ultra-som guiado: Nessa tecnologia obtém-se tecido mamário sem cirurgia, com o uso de uma agulha. O ultra-som auxilia a confirmação do local correto, utilizando ondas sonoras refletidas do tecido mamário, para que o lugar exato da anormalidade seja o alvo da biópsia. O ultra-som pode distinguir diversas lesões benignas, como cistos com fluidos e lesões sólidas. Exemplos de tecidos podem ser coletados pela agulha.

Biópsia estereostática: Esse tipo de biópsia centraliza a área a ser testada na janela de um instrumento próprio para esse exame. A mamografia que usa o chamado filme SCOUT são tiradas para que o radiologista possa examinar o tecido mamário. Usando anestesia local, o radiologista faz uma pequena incisão na pele, onde uma agulha de biópsia esterelizada é colocada para retirar o tecido mamário que será submetido ao exame. Figuras computadorizadas ajudam a confirmar o exato local que a agulha será colocada e amostras de tecidos são retiradas pela agulha. É comum tirar múltiplas amostras de tecidos (de três a cinco).
Abertura de biópsia por excisão: É a remoção cirúrgica de todo o nódulo, no qual o tecido será estudado num microscópio. Se um pedaço de tecido mamário normal é retirado, então a biópsia poderá servir como parte do tratamento do câncer (remoção do tumor canceroso).

2. Quais são os cuidados necessários depois da biópsia cirúrgica?

Deve-se começar usando um sutiã especial e curativos no local da biópsia, após o procedimento, que poderão ser removidos depois de dois dias. Pequenas fitas ou possíveis pontos continuarão sobre a incisão e não devem ser removidos por conta própria. Eles serão retirados na próxima consulta.

Pode ser pedido solicitado ao paciente que aplique medicação ou gelo na região da biópsia ou troque as bandagens em casa. Seu médico lhe dirá sobre como tomar banho e cuidar dos curativos.

Será dado a você uma receita para analgésicos, que podem ser usados após o procedimento. Mas você também pode comprar na farmácia um outro analgésico se você achar que suficiente. Não tome aspirina ou produtos contendo aspirina nos primeiros três dias após o procedimento. A área da biópsia pode ser preta ou azul logo depois do procedimento, mas isso deve passar após alguns dias.


<< Volta | Topo do site